quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Certa vez me peguei pensando sobre o tempo, quando era pequena recordo que ele passava tão rápido, gostava de mergulha nas brincadeiras com as amigas de infância, brincávamos muito e só notava que já estava de noite quando minha mãe gritava lá da varanda. Na minha adolescência o tempo já era muito corrido, chegava da escola, a tarde curso e arrumar a casa e a noite as tarefas do colégio, e quando não tinha meus compromissos de igreja. Hoje percebo o quanto cada minuto é precioso, mesmo querendo deixar tudo organizado ainda têm algo que não consigo realizar. Que loucura tudo isso, chega janeiro e no piscar de olho é dezembro, o ano passou e as vezes não percebemos a sua rapidez. Devemos rever nosso tempo, aproveitar cada minuto, que tal uma viagem,  estar ao lado de pessoas importantes para você, não perder tempo discutindo e se chateando. Leve a vida com mais leveza, não se torne vilão dessa rotina de trabalho e cobrança.

sábado, 26 de agosto de 2017

Já não te desconheço, há muito tempo aprendi a gosta de novos sabores, de ler outros tipos de livros, de escutar outros estilos de músicas, comecei a desbravar novos horizontes. Sinto-me mais segura, não tenho tanto medo de enfrentar algumas sensações da vida. Desenhei uma nova obra de arte, os detalhes vou aperfeiçoando, coloquei cores vibrantes e  bem colorida. (Vanessa Santos)

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

O branco virou cinza


                                         
http://blogs.odiario.com/inforgospel/wp-content/uploads/sites/6/2013/02/refugiados-da-guerra-na-siria-mulheres-e-criancas.jpg 



Um turbilhão de barulho

Grita ao meu ouvido

O medo paira ao redor

Vejo acima cor cinza,

Vermelho e uma pequena

Faísca de azul



Um corre corre de seres indefinidos

Ou se confrontando entre si

Choro, desespero e um sentimento

De tristeza, perda e dor.



Pequenos inocentes

Deixam sua rua tranquila e fogem

A procura de paz 

Abandonando uma infância perdida



Seu brinquedo é roubado

E o colorir da vida é esquecido

Ficando registrado a revolta

E a esperança  que um dia o cinza

se torne branco 



(Texto Vanessa Santos)
 

segunda-feira, 18 de agosto de 2014


HOJE É TEMPO DE SER FELIZ! =D


HOJE É TEMPO DE SER FELIZ!

A vida é fruto da decisão de cada momento. Talvez seja por isso, que a idéia de plantio seja tão reveladora sobre a arte de viver.

Viver é plantar. É atitude de constante semeadura, de deixar cair na terra de nossa existência as mais diversas formas de sementes.

Cada escolha, por menor que seja, é uma forma de semente que lançamos sobre o canteiro que somos. Um dia, tudo o que agora silenciosamente plantamos, ou deixamos plantar em nós, será plantação que poderá ser vista de longe...

Para cada dia, o seu empenho. A sabedoria bíblica nos confirma isso, quando nos diz que "debaixo do céu há um tempo para cada coisa!"

Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, as leituras que você faz, os valores que você abraça, os amores que você ama, tudo será determinante para a colheita futura.

Felicidade talvez seja isso: alegria de recolher da terra que somos, frutos que sejam agradáveis aos olhos!

Infelicidade, talvez seja o contrário.

O que não podemos perder de vista é que a vida não é real fora do cultivo. Sempre é tempo de lançar sementes... Sempre é tempo de recolher frutos. Tudo ao mesmo tempo. Sementes de ontem, frutos de hoje, Sementes de hoje, frutos de amanhã!

Por isso, não perca de vista o que você anda escolhendo para deixar cair na sua terra. Cuidado com os semeadores que não lhe amam. Eles têm o poder de estragar o resultado de muitas coisas.

Cuidado com os semeadores que você não conhece. Há muita maldade escondida em sorrisos sedutores...

Cuidado com aqueles que deixam cair qualquer coisa sobre você, afinal, você merece muito mais que qualquer coisa.

Cuidado com os amores passageiros... eles costumam deixar marcas dolorosas que não passam...

Cuidado com os invasores do seu corpo... eles não costumam voltar para ajudar a consertar a desordem...

Cuidado com os olhares de quem não sabe lhe amar... eles costumam lhe fazer esquecer que você vale à pena...

Cuidado com as palavras mentirosas que esparramam por aí... elas costumam estragar o nosso referencial da verdade...

Cuidado com as vozes que insistem em lhe recordar os seus defeitos... elas costumam prejudicar a sua visão sobre si mesmo.

Não tenha medo de se olhar no espelho. É nessa cara safada que você tem, que Deus resolveu expressar mais uma vez, o amor que Ele tem pelo mundo.

Não desanime de você, ainda que a colheita de hoje não seja muito feliz.

Não coloque um ponto final nas suas esperanças. Ainda há muito o que fazer, ainda há muito o que plantar, e o que amar nessa vida.

Ao invés de ficar parado no que você fez de errado, olhe para frente, e veja o que ainda pode ser feito...

A vida ainda não terminou. E já dizia o poeta "que os sonhos não envelhecem..."

Vai em frente. Sorriso no rosto e firmeza nas decisões.

Deus resolveu reformar o mundo, e escolheu o seu coração para iniciar a reforma.

Isso prova que Ele ainda acredita em você. E se Ele ainda acredita, quem sou eu pra duvidar... (?)"
Padre Fábio de Melo

quarta-feira, 30 de julho de 2014

Meus pensamentos




Na madrugada, sentada na minha sala escuto o som do vento cantando sem parar na minha janela,  vem carregando toda aquela poeira da rua. E ele continuava seu canto, meio sombrio e ao mesmo tempo uma melodia bonita das folhas que se arrastava pela rua.
Um silêncio pairava, em alguns momentos se escutavam movimentos de carros que circulavam a noite e pessoas conversando que passavam ligeiramente na rua. Nesse dia o céu estava escuro com poucas estrelas, pensei que poderia chover, a noite continuava com sua ventania e nada de pingos de chuva só a ventania.
Nesse mesmo momento de nostalgia senti uma saudade se estabelecer em meio aos meus pensamentos, naquela noite tudo me lembrava de você, vontade de tê-lo em meus braços para que pudesse me aquecer e me proteger dessa madrugada.

A noite passou sem você, sabia que no mesmo instante seus pensamentos seja ele mesmo em sonhos estaria ligada a mim. Na minha cama meu olhar viajava distante. Quando não aguentava mais o sono veio, e meus pensamentos se tornaram em um belo sonho. 

Vanessa Santos